sexta-feira, 13 de maio de 2016

Sexta Feira 13 † A verdade por trás da Superstição (Curiosidades)

Olá minhas Ladys e Lords, hoje é SEXTA FEIRAAAA! E ainda por cima é uma sexta feira 13...
Mas porque é uma data cheia de superstição em volta de gatos pretos e azar?


Bom o que eu descobri a muito tempo atras de onde veio toda essa presepada de numero do azar, e ser numa sexta feira. O que acontece é que na época do início da propagação do Cristianismo a sexta feira era considerado um dia de má sorte, pelo fato de Cristo ter sido crucificado nesse dia da semana. Em relação ao número, a numerologia considerava o número 12 um número perfeito (pelo fato de ser par) e o número seguinte por ser irregular era um número que causava infortúnios. Uma misturada de tradições sem o mínimo sentido.
Mas nos meus estudo da religião antiga penso que relacionado ao dia da semana era uma espécie de oposição Cristã geral às religiões pagãs já que a Deusa Frigga, a deusa nórdica do amor e do sexo nomeou o dia, e no período inquisitorial né... (não preciso continuar eu creio). Ela uma figura feminina forte, guerreira e independente, o que punha em risco a patriarcalidade Cristã da época, e para isso o que fizeram... Disseram que Frigga era uma bruxa má!.  Foi dito que Frigga se uniria a uma convenção de bruxas, normalmente um grupo de 12, totalizando 13. Uma tradição cristã semelhante considera o 13 amaldiçoado por significar a reunião de 12 bruxas e o diabo.


Existem histórias remontadas também pela mitologia nórdica. Na primeira delas, conta-se que houve um banquete e 12 deuses foram convidados. Loki, espírito do mal e da discórdia, apareceu sem ser chamado e armou uma briga que terminou com a morte de Balder, o favorito dos deuses. Há também quem acredite que convidar 13 pessoas para um jantar é uma desgraça por isso!

Parascavedecatriafobia ou Frigatriscaidecafobia (lembram que falei sobre a Deusa Frigga?) é o nome que se dá ao tipo de medo paranoico das pessoas que tem medo do número 13 e mais especificamente dessa junção.

Daí vocês me perguntam e os Gatinhos Pretos? Qual a ligação deles com a data?
Pois bem gente, na Idade Média acreditavam que as bruxas podiam se transformar em animais, e gatos pretos estavam na lista do Papa Inocêncio III, grande influenciador da criação do Malleus Maleficarum, mais conhecido como Martelo das Feiticeiras.


Contudo não é assim... Costumes muito mais antigos, anteriores a Era Cristã, não acreditavam nessa coisas.
Na Pérsia antiga, por exemplo, acreditava-se que o gato preto era um espírito amigo, criado especialmente para fazer companhia ao homem durante a sua jornada na terra. Na Letônia, o gato preto é a representação do espírito Rungis, Deus da Colheita. Se um gatuno de pelagem preta aparecer no depósito de sementes, significa que a colheita será farta e próspera. Na Itália, ouvir um gato preto espirrar traz boa sorte. No sul da França, cuidar de um gato preto adoentado e curá-lo é sinal de bons agouros.



Então pessoinhas que estão lendo não maltratem gatinhos pretos ele podem trazer muito mais sorte do que vocês imaginam e muito amor também!

Essas foram algumas curiosidade que aprendi e descobri com o tempo. Espero que tenham gostado!
Até a próxima postagem!
Bjinhos :*

2 comentários:

† Ladys e Lords, os comentários são moderado, não se preocupem se não aparecer na hora. Leio sempre todos e respondo com o maior carinho ok?!

† Se puder se identifique, fico muito feliz de saber quem é!

† Comentários maldosos e desrespeitosos serão excluídos e ignorados. Se não gostar do que está lendo simplesmente se retire, não baixe o nível!

Bjinhos a todos ♥